Quem é você Alaska?

John Green

editora intrinseca

7371328_1GG.jpg

Li esse livro há um ano mais ou menos e infelizmente ele foi parar no limbo dos livros emprestados e nunca mais devolvidos. Quem é você Alaska? Foi primeiro livro escrito por John Green. Mas só ganhou destaque depois que A culpa é das estrelas virou Best seller.

Embora eu não seja muito fã de romances adolescentes, o autor trabalha essas relações de uma forma bem persuasiva e interessante.

Na vida todo mundo tem aquela amiga maluquinha, divertida e interessante, se você não tem é porque você é essa amiga. E o cara nerd, bonito e introspetivo. Que se apaixona pela menina e não tem coragem de falar.

Miles é o típico nerd, meio anti social e tímido que tem como hábito as decorar ultimas palavras ditas por personalidades em seus leitos de morte.

Ele decide ir estudar no mesmo internato onde seu pai se formou. Em busca do seu grande talvez e conhece seus amigos, Coronel e Alasca.

Eu gosto da maneira como John, coloca as mulheres de seus livros como independentes e determinadas, com atitude. Nada de mocinhas frágeis. São todas mulheres, que mesmo sofrendo de doenças e que tenha o lado emocional meio defeituoso. São mulheres determinadas e cheias de vida.

Eu sentia falta de mulheres assim na literatura atual, já que a grande maioria tem problemas de autoestima e são vulneráveis. Só se sentem bem, felizes ou completas quando encontram o tal amor das suas vidas.

As mulheres de John Green , elas ditam as regras de suas vidas, elas são determinadas, envolventes, divertidas e apaixonantes. Elas são o amor da vida de algum pobre coitado tímido demais para se declarar e posso dizer com quase certeza, muito mais parecidas com você e comigo.

Boa leitura!

 

Como eu era antes de você

Jojo Moyes

Editora Intrinseca

 

113201204_1GG

Sei que eu já valei sobre o livro de Jojo Moyes aqui no blog.  Mas o filme vai chegar aos cinemas na primeira quinzena do mês que vem e eu vou listar alguns motivos para você correr para o cinema com uma caixa enorme de lenço de papel nas mãos.

primeiro motivo :

Emilia Clarke, Se você assim como eu é fã da série da HBO, sabe o quanto a atriz é além de muito linda, super talentosa. Antes de fazer a mãe dos dragões Daenerys Targaryen,  teve alguns poucos papeis de destaque, mas foi na série baseada na obra de George R.R. Martin que atriz explodiu mundialmente. Esse filme é uma chance de ver uma outra Emilia Clarke, fora do mundo de Game of Thrones.

Segundo motivo:

O Mais novo amor da minha vida Sam Claflin.  Eu já tinha visto alguns muitos filmes com ele, mas nunca tinha prestado atenção realmente nele. Tinha o Finnick Odair em jogos vorazes e Philip Swift na franquia de Piratas do Caribe. Mas foi em love, Rosie que me apaixonei totalmente pelo Alex e por seu interprete.  Já temos muita certeza que Sam é um ator incrível e que faz nossos corações derreter com seu olhar de cãozinho abandonado. mas interpretar Will Traynor e toda a complexidade do personagem é um desafio e tanto.

Terceiro Motivo:

No livro Louisa Clark, é uma menina linda e cheia de vida, mas que se sente o tanto quanto perdida na vida. Sente que está constantemente incomodando os seus pais, por ainda morar com eles, a cafeteria que ela amava trabalhar, fechou. Ela não tem muitos amigos e namora um pseudo atleta egocêntrico. E aí ela vai trabalhar na casa do Will e ele é sempre bastante hostil e debochado, o que mais uma vez a deixa perdida e a deixa com vontade de desistir, só que ela precisa do dinheiro e não pode simplesmente jogar tido pro alto assim.

Sem contar que todo mundo, até o pai de Louisa, critica o jeito ao qual ela se veste.

Quantas vezes na vida, isso aconteceu com você? Quantas vezes você quase desistiu de ser você mesmo por causa do comportamento dos outros? Ou se sentiu impotente ou diminuída, por que as pessoas tem a mania de dizer que na sua idade elas já eram donas de castelos na Dinamarca e eram casadas e com filhos? Ou um chefe grosseiro e mau humorado era capaz de tirar toda cor do seu dia? Ou você namora um apessoa que não presta a menor atenção no que você fala e só quer que você faça ou haja da maneira a qual ele acha melhor?

E de repente vem alguém que te enxerga exatamente como você é, com todas as suas loucuras e incertezas e se apaixona por você.

Quarto motivo:

A perspectiva do outro . lembra que eu falei do chefe grosseiro e mau humorado?

Então, algumas pessoas são cruéis com outras pessoas , pelo motivo de simplesmente não conseguirem lidar com seus problemas pessoais e emocionais, então elas ficam de mal com a vida e projetam no outro suas frustrações.

Will era um cara rico., bonito, gostoso e saudável que de repente , depois de ser atropelado, se vê preso em uma cadeira de rodas pro resto da vida. E compreendi a depressão que ele se encontra. É extremamente compreensível, embora você ache ele cruel as vezes , você entende e existe uma linha tênue entre compreender a revolta dele e ser permissiva por pena.]

Como eu era antes de você, me fez ter uma outra visão de tudo e de como as vezes a gente julga alguém se compreender as razões que ela tem para ser assim. Não é justificar, ninguém tem o direito de humilhar ou machucar alguém por causa das suas frustrações, mas de apenas compreender e não levar isso para o lado pessoal. O problema não é você é realmente ela.

Quinto motivo:

É clichê mas é lindo.  O livro é lindo e eu chorei tanto. Eu queria tanto, tanto, tanto me enfiar no livro e estar junto com a Louisa, queria implorar para que o Will mudasse seus planos…

É humanamente impossível não chorar. Se você gosta de filmes que fazem a sua sala parecer o titanic, você vai amar.

Sexto motivo:

Ed Sheeran, o ruivo mais fofo do mundo, faz parte da trilha sonora original do filme. E se já não bastasse as músicas do Ed serem carregadas de sentimentos, vai embalar a história de amor de Louisa Clark e Will Taynor, dando ainda mais emoção a essa história tão linda.

A música photograph, faz parte do trailer oficial do filme.

Sétimo motivo:

O livro é simplesmente fantástico e maravilhoso, desses romances que fazem você se envolver palavra por palavra. Fala de tudo que engloba o amor. Confiança, amizade, perseverança, respeito, carinho, companheirismo., felicidade, saudade… Todos os ingredientes que compõe o amor, que fazem ele nascer.

Se você ainda não leu o livro, ainda tem um tempinho para isso antes dele chegar ao cinema.

Boa leitura!

 

 

 

 

 

 

 

O iluminado

 

 Stephen King

Suma de letras

9788581050485_300_grafica.jpg

Em uma ida a livraria, vendo algumas obras de Stephen King, percebi que nunca havia lido nenhum livro do escritor na minha vida e nem visto a aclamada adaptação para o cinema do  seu maior  best seller.

Meus amigos todos enlouquecem e disseram o quanto eu deveria ver esse filme e o quanto ele era incrível. Resolvi ver o filme, mas não sem antes ler o livro e foi a melhor decisão que tomei na vida.

O iluminado, foi lançado em 1977 e foi o livro mais vendido do autor. E é simplesmente brilhante. Com as narrativas do Danny e dos pais dele, Jack e Wendy Torrance.  É bem mais envolvente e muito mais emocionante e assustador.

Você sente como se fosse o garoto e como se  visse através dos olhos dele os acontecimentos no Overlook Hotel. É tão aterrorizante e ao mesmo tempo viciante e indescritível.

Muitas vezes eu o lia na condução voltando pra casa ou indo para o trabalho  e tinha que levantar a cabeça em alguns momentos para respirar e lembrar a mim mesma que era um livro.

Me lembrou um filme que eu amava quando era criança, chamado jumanji, onde as crianças são sugadas para dentro do jogo e vivem muitas situações estranhas.

Foi assim que eu me senti lendo esse livro. Como se cada vez que eu abrisse ele eu era imediatamente sugada para dentro das páginas e vivesse todas as situações com Danny e Tommi.

Bom, depois que li o livro aceitei ver o filme que foi lançado três anos depois do livro. E embora a atuação de Jack Nicholson, seja inebriante, há muitas diferenças comparadas ao livro. Confesso que a cena em que os arbustos do hotel “perseguem” Jack Torrance, no livro me deixaram paralisada, mas no filme não foi tão empolgante quanto a leitura.

Mas ainda assim é um clássico e um filme magnifico.  Depois que li o iluminado, tive interesse em outros livros de Stephen King e estou lendo outras obras do autor.

E vale muito a pena a forma como ele escreve suas obras é capaz de fazer você se esquecer do tempo, mas ficar de olhos bem abertos e trancar bem a porta do seu guarda roupa e suas janelas, quando for dormir.

Boa leitura!

 

Livro da semana.

 

Antes que aconteça.

Juliana Parrini.

 

Bom, semana passada eu comentei aqui no blog, sobre o livro  ” DEPOIS DO QUE ACONTECEU”  da escritora carioca, Juliana Parrini. Pois bem, depois de aproveitar bem a minha depressão pós livro. Fui na sexta feira, encontrar com a amiga que me emprestou o livro e pegar o segundo para ler. Aproveitei o final de semana para descansar e comecei a ler o segundo livro ontem ( segunda -feira ) e terminei ele quase agora.

E eu estou até agora emocionada.

Antes-que-aconteca-1024x1412

Eu olho para o livro na minha frente e brotam lágrimas nos meus olhos. O primeiro livro da Juliana mexeu muito com meus sentimentos, mas eu realmente não poderia imaginar que o segundo livro publicado pela editora suma de letras, pudesse me tirar do eixo dessa maneira. Quem me acompanha no snapchat viu como chorei ao falar dele.

Antes que aconteça, superou todas as minhas expectativas. Eu vibrei, briguei com o livro, senti amor, senti raiva, medo… E chorei. Chorei compulsivamente agarrada ao livro a ponto do meu namorado vir assustado me abraçar e me dizer que ficaria tudo bem. Imediatamente me lembrei do meu personagem favorito do livro e chorei mais ainda.

O livro de Juliana Parrini nos envolve e uma forma tão completa que tem até trilha sonora. E nos faz refletir nos dramas e preocupações que nós, jovens adultos temos na vida. Afinal achamos que dramas amoroso ficam para sempre na adolescência e que quando chegamos na casa dos 20/30 estará tudo estruturado e nenhuma incerteza com a vida e o futuro pairá sobre nossas cabecinha e estamos absurdamente errados.

Antes que aconteça me colocou frente a frente com muitos dos meus conflitos e medos, fez com que me sentisse alí, dentro do livro. Eu já disse que o livros da autora fazem que eu observe situações da minha vida, vivida por outra pessoa e isso me emociona e fez com que eu criasse uma ligação enorme com o livro.

Cada capitulo  é a narrativa de um personagem diferente, isso faz com que você crie uma conexão e compreenda o que se passa na cabeça de cada um deles. Ela teve o cuidado de expressar a personalidade de cara um. Sem dúvida alguma Juliana Parrini agora ocupa um lugar enorme na lista dos meus autores favoritos.

O livro é emoção a flor da pele, com reviravoltas inimagináveis, sentimentos transbordando a cada página.

Se eu fosse você eu corria pra vida de Isabel Maia, Alex Simonelli e Daniel Clark , acompanhada de uma boa playlist e me deixaria apaixonar totalmente e absolutamente pela história, que sem dúvida alguma é uma das mais emocionante na atualidade.

Boa leitura!

Livro da semana:

Star wars – Kenobi.

John Jackson Miller

Baixar-Livro-Star-Wars-Kenobi-John-Jackson-Miller-em-PDF-ePub-e-Mobi

Quando eu era pequena costumava a assistir star wars com a minha madrasta, mas eu não entendia nada, só achava muito legal e bem doido um monte de nave, os stormtroopers, sem contar os ewoks que eu queria apertar e ter um monte deles pela casa. Mas eu gostava mesmo do Darth Vader e do medinho que dava quando ele aparecia. O tempo passou, eu cresci e comecei a namorar um aficionado da saga de  George Lucas.

Semana passada em um passeio no shopping, passamos em frente a livraria e meu namorado deu de cara esse livro, compramos e o que vimos foi uma leitura bem completa e gostosa. A história começa quando Obi Wan, leva Luke para seus tios no pequeno planeta de tatooine e vira o recluso velho Ben. O livro de 2015 lançado no Brasil pela editora aleph. É uma ótima pedida não só para os fã recentes que vão poder entender a obra de uma forma mais completa, quanto pelos fã mais calorosos e antigos que poderão ver a mágia e a emoção de star wars de uma outra visão e com maior riqueza de detalhes.

Kenobi, deixa você ainda mais próximo de uns dos jedis mais amados e te leva a um outro lado da história.

Boa leitura!

Desafio Literário

Ontem no facebook, uma amiga e me marcou para responder um desafio  soubre séries. Achei bem interessante, mas na hora pensei em mudar o foco para livros e postar aqui no blog para a gente dividir um pouquinho mais nossas experiências literárias.

Vamos lá!!!

Nunca li:

O menino do pijama listrado.

companhia das letras

sei que deve ser um livro belíssimo. Mas eu acho que existem livros que merecem um equilíbrio emocional maior. E  eu ainda não encontrei o meu a ponto de mergulhar nessa leitura. Mas está na lista dos meus desejos. Só falta mesmo a coragem para chorar até o mundo acabar.

P.s ainda não ví o filme também.

download

Game of Thrones

editora leya

Embora eu seja grande fã da adaptação da obra de George R.R Martin para a TV, eu nunca li nenhuma das obras literárias, o que provavelmente vai fazer alguns fãs mais calorosos quererem me matar. Comecei a ver a série depois que já estava pra começar a terceira temporada. Lembro que assisti a primeira e a segunda temporada em um final de semana.  E agora acompanho a série fielmente, mas os livros, ainda não li nenhum.

livros (1)

 

Não tenho vontade de ler novamente:

Orgulho e preconceito.

editora landmark

A obra de Jane Austin é maravilhosa e sem dúvida alguma, um clássico da literatura mundial.

Mas não é um livro que eu lerei uma segunda vez. Acredito eu que é um livro para você desfrutar cada segundo dele e depois guarda lo com todo amor do mundo, para que outra geração o leia no futuro.

Tipo o anel de noivado da sua avó, que vai passando de geração a geração . Orgulho e preconceito é a minha joia de família.

orgulho-e-preconceito-poster011.jpg

 

Tamanho 42 não é gorda.

editora record

Amo, amo, amo a Mag Cabot! Enlouquecidamente!!

Fez parte da minha infância e adolescência e embora o garoto da casa ao lado, seja um livro que eu tenho uma vontade de ler novamente, o mesmo não se aplica a tamanho 42 não é gorda.

É uma história muito boa, com assassinatos , investigações policiais e alguns conflitos pessoais.

Como eu disse antes, Meg Cabot fez parte da minha infância e adolescência e ficou para sempre nas minhas mais maravilhosas lembranças dessa época.

Ninguém que eu conheça leu, mas eu gostei:

 

Deus Negro.

editora recado

DEUS_NEGRO_1232410564B

Eu ganhei esse livro do meu pai , ele disse que era o livro favorito dele e eu gostei muito.

É um livro leve e bem simples de ler e te leva a uma reflexão sobre a vida e a existência de uma divindade superior que prega o amor.

 

Anna e o beijo Francês.

livraria cultura

16936376_LIN7G

Já vi algumas resenhas em blogs sobre esse livro na internet. Mas  nunca conheci de fato alguém que tenha lido.

Anna e o beijo Francês é um desses livros que te despertam as melhores emoções e fazem você se transportar para dentro do livro. Maravilhoso!

 

Último livro que eu li:

 

Depois do que aconteceu.

editora suma de letras

 

13597176-368-k826487

Foi a última postagem do blog e eu ainda estou no mundo de Isabel Maia , Alex Simonelli e Daniel Clark.

Depois do que aconteceu  é um livro tão bom…  Desses que te fazem se envolver e sentir cada emoção do livro  e  se identificar com cada personagem. Muitas das questões enfrentadas por Isabel, eu mesma enfrentei em minha vida, problemas com a família do noivo, ex namorada problemática do seu namorado, conflitos e incertezas com a sua profissão e um romance de conto de fadas e recomeços

Juliana Parrini me deixou frente a frente com questões da minha vida só que vividas por outra pessoa. É meu novo amor e estou oficialmente completamente apaixonada por Alex Simonelli.

 

 

Tenho preguiça:

 

O Morro dos ventos uivantes

editora lua de papel

o-morro-dos-ventos-uivantes1.jpg

Me desculpe quem gosta do livro, e sei que são muitas pessoas. Mas tentei ler esse livro umas, sei lá, sete vezes e sempre paro antes do meio do livro e não consigo mais

Emprestei ele recentemente para a minha avó e ela me disse que era um livro muito bonito. Tentei lê lo novamente no final de 2015 e novamente desisti.

Mas juro que em 2016 irei ler até o final.

 

Leria tudo de novo:

 

Harry Potter

editora rocco

 

1.jpg

Nem precisa falar né? Minha saga favorita na vida inteira. Harry Potter  não só lerei novamente mil vezes na vida como meus filhos irão ler.

 

Fallen.

galeria record

Fallen

Achei o primeiro livro da saga, que dá nome ao primeiro livro, na biblioteca do colégio no qual eu trabalhava e sinceramente não peguei ele com muito entusiasmo. E foi ler a primeira página do livro que eu não soltei mais e cheguei no dia seguinte pedindo pelo amor de Deus a bibliotecária pelo segundo livro da série. Só que ela não tinha e eu fiquei arrasada. Eis que na mesma semana estava tendo uma feira literária no shopping do bairro e a saga inteira estava em promoção e meu namorado me deu de presente. Simplesmente comecei a ler um livro atrás do outro.  Fallen é uma saga envolvente e apaixonante e sem duvidas lerei novamente.

 

Livro que mudou a minha vida:

 

O mundo de Sofia.

cia das letras

Download-O-Mundo-de-Sofia-Jostein-Gaarder-em-epub-mobi-pdf

Quando eu tinha 14 anos, estava lendo uma revista e em meio as fotos das leitoras, tinha uma menina com o braço quebrado e um livro que a contra capa era cheia de estrelas e  na hora me apaixonei, afinal amo muito estrelas. Logo comecei a procurar por esse livro por todos os cantos e quando descobri o nome do livro, pedi de presente para minha mãe de aniversário de 15 anos. E já são mais de 10 anos lendo O MUNDO DE SOFIA uma vez por ano desde que o abri pela primeira vez. Coloquei o nome da minha cachorrinha de Sofia em homenagem a esse livro…

Sofia Amundsen e eu temos um encontro uma vez por ano desde que ambas fizemos 15 anos ( a personagem também faz 15 anos no livro e eu não sabia disso quando o ganhei viajo todos os anos para  o magnifico mundo da filosofia. Ainda tenho o sonho de viajar para a Noruega e conhecer o lugar de onde vem Sofia. Quem sabe um dia , né?

 

A culpa é das estrelas.

editora intrinseca

Download-A-Culpa-e-das-Estrelas-John-Green-em-ePUB-mobi-PDF2.jpg

Há pouco mais de dois anos aconteceu o pior momento da minha vida, perdi meu pai e não conseguia lidar com a situação e nem expor a dor que eu sentia. Meu pai era e ainda é o amor da minha vida e eu simplesmente não conseguia chorar e processar a informação do que estava acontecendo ao meu redor. Então eu realmente não me lembro exatamente como esse livro foi parar em minhas mãos. Mas ele parou e em uma dessas madrugadas em que um livro me faz companhia, eu pude por toda a dor e revolta que eu sentia dentro de mim e eu chorei até não ter mais ar em meus pulmões, até a dor emocional virar física. Eu chorei tudo que eu não tinha conseguido chorar quando vi meu pai ir embora para sempre. E eu fiquei muito mais leve e não me senti mais tão pequena.

Augustus e Hazel me fizeram entender que quando amamos muito uma pessoa, temos um pouco dela em cada detalhe das nossas lembranças e em cada momento em que vivemos com ela e a minha dor pode não ter passado totalmente, mas ela foi aliviada e serei eternamente grata a esse livro por isso.

 

Uma indicação:

 

Cidade de papel.

editora intrinseca

Download-livro-Cidades-de-Papel-John-Green-em-ePUB-mobi-e-PDF.jpg

Vamos lá, tenho uma relação de amor sério com John Green. E alguns livros dele marcaram muito a minha vida, como foi o caso de A culpa é das estrelas.

Só que cidade de papel me marcou por outro motivo. Se você é como eu que se anula muito por causa de outras pessoas, que sempre corre para socorrer todo mundo e que sempre mergulha de cabeça e algumas situações da vida para poder ajudar alguém que só te procura quando está na pior e quando é você que precisa de ajuda a pessoa simplesmente some. Então você realmente precisa ler esse livro.

Cidade de papel fala sobre isso, sobre estar lá e estender a mão quando alguém precisa , mas de não haver ninguém lá quando é sua vez.

 

Boa leitura!

 

 

Depois do que aconteceu

Dia desses fui vistar minha melhor amiga na adolescência, que não via a muito tempo. Ficamos alguns anos sem nos falar por alguns “acasos” da vida, mas nunca perdemos o contato, nos tínhamos em todas as redes sociais, eu ligava para ela todos os anos no dia do aniversário dela e no pio dia da minha vida ela brotou aqui na minha casa e passou o dia todo comigo.

Pois bem, essa amiga e eu temos em comum a paixão por literatura e eu, contando que tava tendo crises horríveis de insônia e que o livro o qual estava lendo não estava me prendendo. Fez com que ela aparecesse na minha frente com esse livro:

Depois do que aconteceu.

Juliana Parrini.

13597176-368-k826487

 

A autora ficou famosa na internet através do aplicativo wattpad, com mais de 7 milhões de leitores e lançou seu livro pela suma de letras.

E conta a história de Isabel Maia, uma fotógrafa carioca de 27 anos que depois do que aconteceu com ela e seu amor de uma vida inteira Alex Simonelli, jamais achou que pudesse amar novamente.Até quem um pequeno acidente na Avenida Paulista e um certo Daniel Clark, podem fazer Bel repensar sobre isso.

Dizem que quando a saudade não vai embora é porque resolveu ficar,e não adianta,em hipótese alguma,dizer ao coração o que ele deve fazer.Às vezes ele é cruel e nos leva para um mundo totalmente desolador.

Comecei a ler esse livro ontem a tarde e não soltei ele nem pra fazer xixi. Eu não comi, eu não tomei banho, só bebi água porque minha mãe me trouxe. Há anos um livro não me afasta das redes sociais como esse livro me afastou. Eu só parava pra respirar fundo, responder as mensagens que meu namorado e amigos tinham me mandado a horas, mandar uma mensagem desesperada para minha amiga comentando o que eu tinha acabado de ler e voltava para o mundo de Isabel…

E eu me via na Isabel e em algumas várias situações que ela passou. Me apaixonei pelo Alex , me apaixonei completamente pelo Alex, senti borboletas no estomago pelo Daniel.

Eu virei a noite lendo o livro e quando eu acebei já estava amanhecendo e eu chorava compulsivamente, de soluçar…

Fechei o livro , deitei na cama e fechei meus olhos absorvendo cada uma das palavras que eu tinha acabado de ler e fiquei com saudades enormes. Foi difícil sair da cama hoje e sim estou com depressão pós livro, até minha amiga avisar que tem o segundo e lá vou eu fazer uma busca implacável atrás de Isabel Maia e toda sua linda história de amor, que me levou a outra dimensão e ao mesmo tempo me fez sentir tão perto, como se fosse eu vivendo aquela situação.

Não vou mencionar a trilha sonora descrita no livro porque eu simplesmente baixei todos os álbuns do Dave Matthews Band .

Depois do que aconteceu é um dos livros mais lindos e verdadeiros que lí na minha vida…

Então pegue seus brownies  e boa leitura!